Na última quarta-feira (18), o deputado federal Alencar Santana (PT-SP) teve reunião com o ministro dos Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, e o diretor da GRU Airport, concessionária que administra o Aeroporto Internacional de Guarulhos, Gustavo Figueiredo. Na pauta, demandas do aeroporto, no contexto do remanejamento de voos envolvendo a cidade do Rio de Janeiro.


O ministro garantiu apoio aos pleitos da GRUAirport e do parlamentar e ressaltou que Guarulhos continuaria sendo o maior aeroporto do Brasil, com ampla margem de liderança em relação aos demais, além de ser o segundo maior da América Latina.


Alencar Santana criticou o prefeito de Guarulhos pela tentativa de disseminação do medo a partir de uma mentira de natureza política. “O que o prefeito tem espalhado, junto com o seu secretário Americano, a respeito de demissões no aeroporto de Guarulhos, não procede. É uma verdadeira mentira, um absurdo”, afirmou o deputado.


Tão logo o remanejamento foi anunciado, com o objetivo de recuperar o uso do aeroporto Tom Jobim (Galeão), praticamente abandonado nos últimos anos, o prefeito de Guarulhos, Gustavo Costa, se apressou em dizer que o aeroporto da cidade teria que demitir milhares de trabalhadores. Pior: Guti e o seu secretário de Governo, Edmilson Americano, acusaram o governo Lula de provocar as supostas demissões. “O Aeroporto de Guarulhos é grande, o maior do país, e um ponto de interligação do Brasil com o mundo. Guti, sim, demitiu cinco mil trabalhadores quando fechou a Proguaru. Ele não tem o que mostrar de bom e cria terrorismo entre os trabalhadores do aeroporto”, completou Alencar.

Confira o vídeo da reunião do deputado com o ministro Silvio Costa Filho e a GRUAirport:
https://youtu.be/cznBp8hQjz4?si=2m7XLJh4ituCA2gf

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *