Deputado federal, atual vice-líder, ficou 15 dias como o principal representante do presidente Lula na Câmara dos Deputados.

O deputado federal Alencar Santana (PT-SP), indicado pelo diretório municipal da cidade como o pré-candidato do partido a prefeito em Guarulhos, conversou com o portal GRU Diário sobre a sua experiência como líder do governo Lula (PT).

Alencar assumiu a função à convite do atual líder de governo, o deputado José Guimarães (PT-CE), que teve de se afastar por 15 dias, a partir de 30 de outubro.

À frente do governo Lula, Alencar relatou que continuou a buscar melhorias para Guarulhos, e comemorou conquistas como a retomada do programa Minha Casa Minha Vida na cidade, o investimento do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) do governo federal para a chegada do Metrô em Guarulhos, entre outras propostas.

Acompanhe a entrevista com o deputado:

Como foi para você assumir a liderança do governo Lula?

Foi uma honra ser o líder do governo Lula nesse período. Em 2022 eu já havia sido o Líder da minoria/oposição, de modo que coordenei a resistência aos desmontes do último ano do governo de Jair Bolsonaro. Desde o começo do ano exerço a função de vice-líder do governo na Câmara, o que já é uma grande honra ter sido escolhido dentre vários colegas. Também coordeno a bancada do governo na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), a comissão mais importante da Câmara. Quando o líder José Guimarães precisou se afastar por conta de um procedimento médico, me chamou para substituí-lo e recebi o convite com muito orgulho de poder ajudar o presidente Lula a reconstruir o Brasil.

Quais foram os maiores desafios durante esse período?

Estamos no final de um ano muito cheio, no qual o governo conseguiu aprovar tudo o que quis no Congresso, como a reforma tributária, o Desenrola (projeto que relatei), o Mais Médicos, o Minha Casa Minha Vida, o aumento real do salário mínimo e outros que permitiram a retomada de programas fundamentais.

Durante esse período como líder do governo Lula, você conseguiu focar também em demandas de Guarulhos junto ao governo federal?

Com certeza. Trabalhamos muito para Guarulhos. Os benefícios e os investimentos que Guarulhos voltou a receber do governo Lula demonstram isso. Os R$ 8 bilhões para o metrô chegar até Guarulhos; os R$ 17 milhões em convênios com o Ministério das Cidades para retomar obras paradas; o Minha Casa Minha Vida voltou para a cidade; teve início a construção da marginal do Trevo de Bonsucesso; o túnel na altura do antigo centro de distribuição da Riachuelo, entre outros mais.

Minha agenda em Brasília é metade dentro do Congresso e metade fora, percorrendo ministérios e autarquias, conversando com autoridades para buscar atender demandas de Guarulhos e do estado de São Paulo: projetos de moradia, de educação, de saúde, de ciência e tecnologia, questões relacionadas ao transporte e à mobilidade urbana, assim como da cultura e muitas outras áreas. Para você ter uma ideia, nas terças e quartas eu chego a caminhar mais de oito quilômetros por dia, indo de um lugar para outro, com até 15-20 reuniões num dia de trabalho. A correria é grande e não para. Eu e a minha assessoria andamos sempre de tênis pra aguentar o rojão… (risos)

Há mais alguma coisa que você gostaria de ressaltar desse período em que esteve como líder?

Fico feliz de ter tido a confiança do líder Guimarães, o reconhecimento dos colegas no Parlamento, inclusive da oposição, com quem tenho um trato respeitoso, tanto que sempre me procuram para dialogarmos sobre os projetos que temos que debater e votar, e também do próprio governo e do presidente Lula, que sabe que pode contar com um deputado trabalhador aqui na Câmara e, acima de tudo, com um defensor da cidade e do povo de Guarulhos.

Mesmo antes da liderança do governo, você esteve envolvido em projetos importantes, como o Desenrola, qual o seu próximo foco agora?

Temos que aprovar o orçamento de 2024 no Congresso, a MP 1185 que corrige distorções tributárias que geravam prejuízos enormes aos cofres públicos; as mudanças da reforma tributária que vieram do Senado, além de algumas medidas provisórias importantes para o governo avançar ainda mais em 2024. Mas estou integralmente dedicado ao diálogo com todos os segmentos de Guarulhos que desejam construir um projeto político que garanta um futuro muito melhor para a nossa cidade, a partir de outubro do ano que vem. Esse é o meu foco e a minha prioridade agora.

GRU Diário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *