Falta de sinal em regiões distantes e rurais, diversas interrupções de chamadas, o alto custo dos serviços, sinal de internet e o mau atendimento foram as principais pautas da reunião
Por Daniele Lopes
tim oi vivo e claro
Na tarde desta terça-feira (10/12), o deputado Alencar, presidente da Comissão de Infraestrutura, e outros membros questionaram as telefonias Vivo, Oi, Tim e Claro sobre a qualidade dos serviços prestados aos paulistas, em audiência realizada por iniciativa de Alencar.
Os representantes das empresas fizeram breves explanações sobre o funcionamento de cada telefonia. E todos argumentaram que os problemas vêm da grande demanda de clientes, que a cada dia cresce mais. O que para o deputado Alencar não é desculpa. “Se não têm condições de atender seus clientes, não podem continuar vendendo linhas desta maneira”.
Para Alencar, “fica cada vez mais evidente que, para as empresas, o lucro está antes da satisfação do cliente”.
Quando questionados sobre quais seriam os motivos que fazem os clientes migrarem para outras operadoras as respostas foram promoções e atendimento, nenhuma empresa disse que seria o bom atendimento.
Falta de sinal em regiões distantes e rurais, diversas interrupções de chamadas, o alto custo dos serviços, sinal de internet e o mau atendimento foram as principais pautas da reunião.
Como encaminhamento, a Comissão sugeriu ampliar o debate com dados não apresentados nesta, como a relação do faturamento e do investimento em infraestrutura, bem como o que se gasta em publicidade.
“Muito ainda precisa ser melhorado. As empresas de telefonia são recordistas de reclamações entre as queixas de consumidores. Isso é um descaso com o usuário que paga caro pelo serviço e sofre com a má qualidade. É inadmissível, por exemplo, tantas interrupções durante uma chamada ou a falta de sinal quando mais precisamos”, disse.
 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *