Por Portal Prefeitura de Guarulhos
Sexta-feira, 28 de junho de 2013
Neste sábado (29) será a vez dos moradores do Cabuçu apresentarem propostas ao prefeito Sebastião Almeida para melhorar a rede pública de saúde na cidade. Será realizado a partir das 9 horas, na Escola Municipal Faustino Ramalho (Estrada David Correa s/nº, no Recreio São Jorge), o nono encontro do Programa Saúde Participativa. Nesta quinta-feira (27), o prefeito, o secretário de Saúde, Carlos Derman e sua adjunta, Teresa Pinho, participaram da plenária realizada na Cidade Soberana, que recebeu reivindicações de toda a região do Lavras.
Dentre as muitas reivindicações apresentadas pela população nesta quinta-feira, a carência de médicos nas unidades de saúde do município foi a principal reclamação dos cerca de 100 moradores presentes. Também compareceram gerentes de unidades e de Unidades Básicas de Saúde (UBS) dos bairros Jardim Soberana, Ponte Alta, São João e do próprio Lavras.
Em seu discurso, o secretário Carlos Derman fez um breve balanço de sua gestão à frente da Secretaria da Saúde, comentou sobre os projetos de ampliação e reformas de UBS e falou da grande parcela da arrecadação municipal (30%) investidos em saúde. “Mesmo assim sabemos que ainda temos muito por avançar”, sintetizou.
Dos muitos projetos mencionados pelo prefeito Sebastião Almeida em sua fala, a proposta de criação de uma maternidade naquela região agradou aos presentes. “Desta forma, as mulheres e as parturientes, em especial, terão melhor atendimento sem ter de se deslocar até a região central da cidade”, frisou.
O prefeito disse, também, que pretende criar um Centro de Educação Unificado (CEU) para atender a região. “Vamos fazer aqui uma espécie de Bosque Maia, proporcionando lazer e recreação aos moradores”, disse Almeida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *