O deputado federal Alencar Santana (PT-SP) anunciou em sua conta de Twitter que apresentará um requerimento na Câmara dos Deputados para questionar o valor pago pela TV Brasil para transmitir os jogos da Seleção Brasileira de Futebol nas Eliminatórias da Copa de 2022.
“Nesta quinta-feira (15), vou protocolar requerimento de informação ao Ministério das Comunicações para que a sociedade saiba quanto a TV Brasil pagou para transmitir Brasil x Peru e usar o jogo para fazer proselitismo em favor de Jair Bolsonaro”, declarou o parlamentar petista.
O deputado também argumenta que “se foi a CBF que pagou pelos direitos da transmissão, como informa a imprensa, vamos questionar também o que foi acordado entre a entidade e o governo brasileiro”.
O pedido surge no dia seguinte ao da partida entre Brasil e Peru, pela segunda rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, quando o narrador André Marques interrompeu o relato do jogo para mandar “um abraço especial para o presidente Jair Bolsonaro, que está assistindo ao jogo”.
Também nesta quarta-feira (14), o deputado Alessandro Molon (PSB-RJ) entrou com outros dois pedidos, um no MPF (Ministério Público Federal) e outro no TCU (Tribunal de Contas da União) para que se investigue um possível uso da TV Brasil para promover o presidente Jair Bolsonaro.
 
Matéria publicada originalmente na Revista Fórum